Conecte-se conosco

Policial

Acusado de latrocínio é preso pela Polícia Civil

Na manhã desta sexta-feira

Publicado

em

Na manhã desta sexta-feira, 10, a Polícia Civil do Estado do Acre, por intermédio da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa, prendeu A.A.Q.S., de 34 anos, pelo crime de latrocínio (roubo seguido morte).
O caso ocorreu em 13 de maio de 2022 no Bairro Vila Acre tendo como vitima Arnaldo Ferreira Matos Filho de 56 anos de idade, morto a golpes de facão na região craniana. A vítima trabalhava como caseiro em uma propriedade onde foi encontrado morto.

A investigação do caso ficou a cargo da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa – DHPP que, após as diligências iniciais, foi constatado que Arnaldo foi morto no dia 12/05/2022 e que o autor do crime seria uma pessoa considerada “amiga” de Arnaldo.

Em virtude do grau de proximidade de A.A.C.S. com Arnaldo, o suspeito tinha conhecimento que a vítima guardava certa quantia de dinheiro dentro da sua casa (aproximadamente R$ 200,00 – duzentos reais).

De posse dessas informações, A.A.C.S. aproveitou o momento em que a vítima havia saído para comprar pão e invadiu a sua casa para subtrair esses valores. Ocorre que Arnaldo teria retornado à sua residência antes do autor do crime sair do local, de forma que A.A.C.S., para garantir que não fosse identificado, matou Arnaldo, subtraiu seu aparelho telefônico e saiu do local em seguida.

De acordo com o delegado Lucas Pereira, “O Sr. Arnaldo era visto por todos da vizinhança como uma pessoa muito amigável e pacífica. Alguém que mata para subtrair um celular, ou qualquer outro bem, não pode ficar impune. O autor dos fatos, enquanto solto, representa uma ameaça iminente a qualquer cidadão. A Policia Judiciária identificou o autor em menos de um mês do ocorrido, o que resultou no êxito da investigação e na sua prisão”, conclui Lucas Pereira.

O preso foi conduzido a delegacia para procedimento praxe e em seguida colocado à disposição da justiça.

Ascom

Policial

Homem é preso por descumprimento de medida protetiva

Na tarde desta quinta-feira, 23, a Polícia Civil

Publicado

em

Na tarde desta quinta-feira, 23, a Polícia Civil por meio da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) prendeu F.F.A, de 41 anos de idade, em cumprimento ao mandado de prisão pelo delito de descumprimento de medidas protetivas de urgência, com base na Lei Maria da Penha.

O investigado, após receber a intimação das medidas protetivas em seu desfavor, não respeitou tal decisão judicial e, reiteradas vezes, descumpriu o limite mínimo de distância entre a vítima, e continuou indo à residência e ao comércio de sua ex-companheira, ameaçando-a, e a ofendendo moral e fisicamente.

Após a autoridade policial da DEAM tomar conhecimento sobre tais delitos, foi representado pela prisão preventiva em desfavor do agressor, e a ordem judicial foi expedida pela Vara de Proteção à Mulher da Comarca de Rio Branco/AC.
O mandado de prisão foi cumprido no bairro Conjunto Universitário III.
O preso foi conduzido à Delegacia de Flagrantes (DEFLA), onde ficará à disposição da justiça.

Ascom

Continue lendo

Policial

Duas pessoas são presas pelo crime de estupro

Nesta quinta-feira, 23, a Polícia Civil

Publicado

em

Nesta quinta-feira, 23, a Polícia Civil por meio da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher e de Proteção à Criança e ao Adolescente (DEMPCA), em Cruzeiro do Sul, prendeu A. C. D. S., de 23 anos, por descumprir medida de afastamento da vitima, após ser condenado em primeira instância pelo crime de estupro de vulnerável.

Ainda na manhã desta quinta-feira, 23, foi dado cumprimento a mais um mandado de prisão preventiva em desfavor de C. S. D. M., de 50 anos, em virtude de sentença condenatória pelo crime de estupro de vulnerável, a ser cumprida inicialmente em regime fechado.

Os presos foram conduzidos à sede da DEMPCA e em seguida à Unidade Prisional Manoel Neri onde permanecerão à disposição da Justiça.

Ascom/Policia Civil do Acre

Continue lendo

Policial

Farta quantidade de drogas é apreendida em presídio de Sena Madureira

Uma revista minuciosa promovida

Publicado

em

Uma revista minuciosa promovida por policiais penais lotados no presídio Evaristo de Moraes, em Sena Madureira, resultou em apreensão de uma farta quantidade de drogas (maconha e cocaína).

Na quarta-feira (22), dia dedicado às visitas, o material ilícito foi encontrado nas dependências do banheiro dedicado aos visitantes. “Parte do ilícito estava no vaso sanitário e o restante no encanamento do banheiro”, confirmou Francisco de Assis, diretor do presídio.

 

Ao todo, foram apreendidos: 50 macarrões de maconha, 16 tabletes, 03 barras e 03 trouxinhas que pesaram 313 gramas. Além disso, os policiais encontraram 49 gramas de cocaína e 01 trouxa com 23 gramas da mesma substância.

De acordo com a direção do presídio, a fiscalização continuará sendo intensificada com a meta de repelir o tráfico de drogas no referido local.

Contilnet

Continue lendo

Trending