Conecte-se conosco

Policial

Polícia investiga caso de feminicídio na zona rural

O delegado de Polícia Civil do Acre

Publicado

em

O delegado de Polícia Civil do Acre, Luís Tonini, está à frente de um suposto caso de feminicídio ocorrido na zona rural de Brasiléia, no Ramal Aurora localizado no km 75, na BR 317 – Estrada do Pacífico, sentido Brasiléia/Assis Brasil.

Segundo foi apurado no hospital regional do Alto Acre, Raimundo Chaar, uma sobrinha do homem identificado pelas iniciais J. R. de L, de 56 anos, teria ido na casa nas primeiras deste domingo, afim de conseguir algo para complementar o café da manhã.

Foi quando se deparou com uma cena terrível, onde visualizou a mulher, no momento identificada apenas pelo nome de Renilde Sousa dos Santos, de 50 anos, já sem vida e o tio agonizando ferido por arma branca (faca), na região da cabeça.

As primeiras informações seria que o homem teria matado a mulher e depois teria tentado contra sua vida. Equipe de resgate do SAMU foi acionada até o local e interceptaram um veículo que trazia o mesmo. Já a equipe técnica da Polícia Civil, foram até a casa para resgatar o corpo e coletar informações que possam ajudar na elucidação do caso.

O corpo será retirado e levado para a Capital, onde passará pelo exame cadavérico e depois liberado aos familiares. Também foi informado pelo delegado, que o homem poderá ser transferido para a Capital devido os ferimentos.

 


Momento da chegada do companheiro da vítima no hospital com ferimentos pelo rosto.

“Segundo o homem, eles teriam entrado em luta corporal já na madrugada e ambos se feriram com a faca. Ele contou que foi agredido com um pau na cabeça pela mulher e ela não resistiu ao ferimento…”, disse o delegado, acrescentando que o caso está em aberto o acusado já se encontra sob tutela da Justiça.

Mais informações a qualquer momento sobre o caso.

Por Alexandre Lima

Policial

Homem é preso por descumprimento de medida protetiva

Na tarde desta quinta-feira, 23, a Polícia Civil

Publicado

em

Na tarde desta quinta-feira, 23, a Polícia Civil por meio da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) prendeu F.F.A, de 41 anos de idade, em cumprimento ao mandado de prisão pelo delito de descumprimento de medidas protetivas de urgência, com base na Lei Maria da Penha.

O investigado, após receber a intimação das medidas protetivas em seu desfavor, não respeitou tal decisão judicial e, reiteradas vezes, descumpriu o limite mínimo de distância entre a vítima, e continuou indo à residência e ao comércio de sua ex-companheira, ameaçando-a, e a ofendendo moral e fisicamente.

Após a autoridade policial da DEAM tomar conhecimento sobre tais delitos, foi representado pela prisão preventiva em desfavor do agressor, e a ordem judicial foi expedida pela Vara de Proteção à Mulher da Comarca de Rio Branco/AC.
O mandado de prisão foi cumprido no bairro Conjunto Universitário III.
O preso foi conduzido à Delegacia de Flagrantes (DEFLA), onde ficará à disposição da justiça.

Ascom

Continue lendo

Policial

Duas pessoas são presas pelo crime de estupro

Nesta quinta-feira, 23, a Polícia Civil

Publicado

em

Nesta quinta-feira, 23, a Polícia Civil por meio da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher e de Proteção à Criança e ao Adolescente (DEMPCA), em Cruzeiro do Sul, prendeu A. C. D. S., de 23 anos, por descumprir medida de afastamento da vitima, após ser condenado em primeira instância pelo crime de estupro de vulnerável.

Ainda na manhã desta quinta-feira, 23, foi dado cumprimento a mais um mandado de prisão preventiva em desfavor de C. S. D. M., de 50 anos, em virtude de sentença condenatória pelo crime de estupro de vulnerável, a ser cumprida inicialmente em regime fechado.

Os presos foram conduzidos à sede da DEMPCA e em seguida à Unidade Prisional Manoel Neri onde permanecerão à disposição da Justiça.

Ascom/Policia Civil do Acre

Continue lendo

Policial

Farta quantidade de drogas é apreendida em presídio de Sena Madureira

Uma revista minuciosa promovida

Publicado

em

Uma revista minuciosa promovida por policiais penais lotados no presídio Evaristo de Moraes, em Sena Madureira, resultou em apreensão de uma farta quantidade de drogas (maconha e cocaína).

Na quarta-feira (22), dia dedicado às visitas, o material ilícito foi encontrado nas dependências do banheiro dedicado aos visitantes. “Parte do ilícito estava no vaso sanitário e o restante no encanamento do banheiro”, confirmou Francisco de Assis, diretor do presídio.

 

Ao todo, foram apreendidos: 50 macarrões de maconha, 16 tabletes, 03 barras e 03 trouxinhas que pesaram 313 gramas. Além disso, os policiais encontraram 49 gramas de cocaína e 01 trouxa com 23 gramas da mesma substância.

De acordo com a direção do presídio, a fiscalização continuará sendo intensificada com a meta de repelir o tráfico de drogas no referido local.

Contilnet

Continue lendo

Trending