Conecte-se conosco

Esporte

Corinthians perde do Bragantino e segue sem vencer no Campeonato Brasileiro

Publicado

em

O Corinthians decepcionou e perdeu para o Red Bull Bragantino neste sábado, por 1 a 0, no Nabi Abi Chedid. Com o resultado, o Timão segue sem vencer no Campeonato Brasileiro e já soma duas derrotas no torneio nacional. O único gol do jogo foi marcado por Vitinho.

Agora, a equipe comandada por António Oliveira acumula um empate e dois reveses em três rodadas, aparecendo no 16º lugar da tabela, com apenas um ponto. O time ainda não marcou nenhum gol na atual edição do torneio.

Do outro lado, o Massa Bruta vence a segunda seguida no Brasileirão e assume, momentaneamente, o primeiro lugar da classificação, com sete pontos conquistados.

O próximo compromisso do Corinthians no Brasileiro é contra o Fluminense, no próximo domingo, na Neo Química Arena. Antes disso, o time de António Oliveira enfrenta o Argentinos Juniors, pela terceira rodada da Sul-Americana. O duelo está marcado para terça-feira, às 21h30 (de Brasília), no Estádio Diego Armando Maradona.

Já o Bragantino recebe o Sportivo Luqueño-PAR na quarta-feira, também pela Sul-Americana. Pela Série A, a equipe encara o Fortaleza no domingo que vem, na Arena Castleão.

O jogo

O Corinthians começou levando perigo ao gol do Bragantino. Com apenas um minuto de bola rolando, Hugo recebeu pelo lado esquerdo após boa troca de passes e emendou uma pancada de canhota, mas Cleiton espalmou.

No entanto, o Massa Bruta abriu o placar na sua primeira subida ao ataque. Após rápida troca de passes na defesa, o meia Bruninho inverteu para Vitinho, que ficou no mano a mano com Matheuzinho, levou para a perna boa e chutou com categoria, no cantinho, sem chances para Cássio: 1 a 0.

O time da casa quase ampliou a vantagem três minutos depois. O Bragantino recuperou a bola no ataque, e Eric teve chance finalizar rasteiro da entrada da área, mas desta vez Cássio defendeu.

Com poucas alternativas de jogo e sofrendo para criar oportunidades, o Corinthians tentava forçar bolas longas, mas, até então, sem sucesso. O Timão ainda viu o Massa Bruta quase marcar o segundo, aos 37. Vitinho recebeu na direita e foi para cima de Félix Torres, levando a melhor no mano a mano. Ele bateu cruzado, mas a bola foi para fora.

O Corinthians conseguiu chegar com qualidade pela primeira vez só aos 44 minutos. Coronado tocou para Hugo, que ajeitou para Pedro Henrique, mas o atacante chegou chutando mal e mandou por cima.

Segundo tempo

O Timão não voltou bem do intervalo, mas protagonizou a primeira grande chance de gol do segundo tempo. Fausto Vera recebeu com liberdade e arriscou de longe, aos oito minutos, mas Cleiton fez bela defesa. Pedro Henrique ficou com o rebote e cruzou rasteiro, mas Matheuzinho não conseguiu completar para as redes.

Aos poucos, o Corinthians melhorou na partida e chegou a deixar tudo igual no placar, aos 16 minutos. Garro lançou Pedro Henrique, que saiu nas costas da marcação e tocou na saída do goleiro. No entanto, o gol foi anulado pelo VAR em virtude de um impedimento no lance.

Aos 24, foi a vez de Wesley, no seu primeiro toque na bola, quase empatar o jogo. Após cruzamento na área, ele ficou com a bola na meia-lua, ajeitou para a perna esquerda e finalizou rasteiro, mas Cleiton defendeu. Aos 27, o garoto fez mais uma boa jogada pela esquerda e cruzou na área, mas Yuri Alberto furou na hora do chute.

Apesar da melhora na etapa final, o Corinthians pecava no último passe ou na finalização e não evitou o revés fora de casa.

Gazeta Esportiva

Publicidade