Conecte-se conosco

Policial

Gladson quer incluir profissionais da segurança e imprensa na vacinação prioritária de Covid-19

O governador do Acre, Gladson Cameli, solicitou ao secretário estadual de Saúde, Alysson Bestene

Publicado

em

O governador do Acre, Gladson Cameli, solicitou ao secretário estadual de Saúde, Alysson Bestene, que reunisse todos os secretários de saúde dos municípios, para juntos, debaterem a possibilidade de inclusão imediata dos operadores de segurança pública e da imprensa na lista de prioridades da vacinação contra a Covid-19. A solicitação ocorreu durante o evento de entrega de viaturas, na manhã desta sexta-feira, 26, no Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA).

No início desta semana, o governo do Estado solicitou ao Ministério Público do Acre (MPAC) uma recomendação oficial para que o Poder Executivo tenha a capacidade legal de superar o Plano Nacional de Imunização, que estabelece hierarquia para as diversas categorias profissionais.

“O que eu quero é dar prioridade aos nossos profissionais da área da segurança e da imprensa. Já solicitei o processo legal junto à PGE, comuniquei ao PNI e determinei a convocação de todos os secretários municipais para dar celeridade ao processo, informando quem realmente está na linha de frente, para que possamos iniciar a vacinação assim que formos autorizados. Toda semana está chegando doses da vacina e queremos colocá-los na lista de prioridade”, declarou o governador.

De acordo com os dados disponibilizados pelo painel de monitoramento estadual da Covid-19, e pelo banco de dados dos órgãos que integram o Sistema Estadual de Segurança Pública, foram registrados de 1 de abril de 2020 a 21 de março de 2021, 1.801 casos de infecção em profissionais da segurança e 11 óbitos. O quantitativo de casos representa cerca de 2,8% do total de infectados no Estado e 0,9 % do total de óbitos.

Levando em consideração a quantidade de operadores estaduais de segurança, incluindo policiais Civis, militares, policiais penais e bombeiros, totalizando 5.567 homens e mulheres, a cada mil desses profissionais, 323,5 precisam se afastar de suas funções, após contraírem a doença.

O secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar, enfatiza que a quantidade de agentes de segurança infectados no Estado já é maior proporcionalmente falando, que os profissionais da área da saúde, que lidam e trabalham na linha de frente, em hospitais de tratamento aos pacientes com Covid-19. A letalidade desses agentes de saúde é de 4,2%, enquanto que para os agentes de segurança pública é de 6,1%.

“Assim como o servidores da saúde, os profissionais da segurança também estão trabalhando na linha de frente nessa pandemia. Até usam equipamento de proteção adequado, mas a atividade exige muita das vezes o contato físico em diversas situações, fator preponderante para torná-los mais vulneráveis à contaminação pelo vírus. Já são 13 o número de profissionais que morreram em decorrência da Covid-19, nesse mais de 1 ano de pandemia e diante desses números, provamos a necessidade de priorização da vacina. Espero que nos próximos lotes, já possamos incluir a categoria”, finalizou o secretário.

Por Thais Farias

Continue lendo

Policial

Homem é espancado após tentar furtar galinha e vai parar no PS em estado grave

Eriberto da costa, 42 anos, foi vítima

Publicado

em

Eriberto da costa, 42 anos, foi vítima de agressão física após tentar furtar galinhas de uma residência na madrugada deste domingo (2), no Ramal São João, no Apolônio Sales, em Rio Branco.

Segundo informações da polícia, Eriberto acabou pulando a cerca de uma residência para furtar galinhas, mas como os animais fizeram bastante barulho, acabou chamando atenção do dono que não foi identificado. O dono das galinhas percebeu que Eriberto estava atrás de furtar as galinhas e rapidamente, de posse de uma enchada, aplicou dois golpes profundos nas costas de Eriberto, no qual perfurou o pulmão do homem, que depois que caiu continuou sendo agredido e teve o maxilar, a boca e o nariz quebrado, e também diversos hematomas pela cabeça. Após a ação, o proprietário da residência acionou uma guarnição da Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), para atender a ocorrência.

Os primeiros atendimentos foram realizados pelos socorristas do Samu em uma ambulância de suporte básico para socorrer o homem, que mesmo tendo uma gravidade das lesões espalhadas pelo corpo devido os golpes de enchada, teve o quadro estabilizado pelos profissionais, que foi encaminhada ao pronto-socorro de Rio Branco, em estado de saúde grave.

A Polícia Militar foi acionada e esteve no local, onde conversou com o proprietário da residência, que compareceu também na Delegacia de Flagrantes (Defla). O caso segue sob investigação dos agentes de Polícia Civil da Equipe de Pronto Emprego (EPE), da Delegacia Especializada de Investigação Criminal (DEIC).

Fonte-ContilNet

Continue lendo

Policial

Agressão: Travesti agride idoso a tijolada

O idoso Raimundo Nonato

Publicado

em

O idoso Raimundo Nonato Viana, de 65 anos, foi vítima de agressão física na noite da última quarta-feira, 28, na Avenida Epaminondas Jácome, bairro Cadeia Velha, região central de Rio Branco.

Testemunhas relataram, que a travesti Michele da Silva Sales, de 42 anos, que faz programas sexuais, se encaminhou até o local onde o senhor estava dormindo e o agrediu com um pedaço de tijolo. O homem não teve como se defender, porque de acordo com populares, o idoso estava embriagado e não teve reação. A vítima continuou deitada no mesmo lugar que foi agredido.


Travesti Michele da Silva Sales, 42 anos, confessou ter agredido o idoso Raimundo Nonato. Foto: James Silva/Ecos da Notícia
O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e se deslocou até o local, onde prestou os atendimentos iniciais a vítima. Em seguida, o idoso foi encaminhado e entregue no setor de emergência do Pronto Socorro de Rio Branco, em estado de saúde estável.

Segundo Michele, o idoso, Raimundo Nonato, teria furtado uma quantia de 200 reais, que ela ganhou fazendo programas na região. A autora das agressões usa pulseira do sistema prisional, ou seja, ela é uma presidiária que tem em seu favor o benefício de ficar em liberdade, monitorada por tornozeleira eletrônica.

Raimundo Nonato, 65 anos, recebendo os primeiros socorros da equipe da Samu. Foto: James Silva/Ecos da Notícia
Para reportagem, a acusada confessou o crime, e disse que deu só um empurrão e a vítima caiu no chão, mas populares afirmam que ela agrediu o idoso com um tijolo. Até o momento do atendimento do Samu a vítima, a polícia militar não estava na ocorrência.

Fonte e fotos-Ecos da Notícia

Continue lendo

Policial

PF cumpre cinco mandados contra candidato supostamente financiado por facção em Cruzeiro do Sul

Na manhã desta quinta

Publicado

em

Na manhã desta quinta (29/9), a Polícia Federal deflagrou a Operação Ilíada, cujo objetivo é coibir a prática de crimes eleitorais no estado do Acre.

Foram cumpridos cinco mandados de busca apreensão na cidade de Cruzeiro do Sul/AC, em desfavor de pré-candidato e correligionários, visando apurar o laço com indivíduos pertencentes à facção criminosa atuante no estado, a fim de proporcionar o financiamento de campanhas eleitorais. Para o cumprimento das ordens judiciais houve a participação de aproximadamente 30 policiais federais.

As investigações, que tiveram início em setembro de 2022, apontam um estreito envolvimento entre candidatos do pleito eleitoral e lideranças da facção criminosa com o objetivo de eleger seus próprios representantes ou políticos simpatizantes, que caracteriza a compra de votos. Os indícios apontam que a ligação entre os criminosos e candidatos são antigos, não se descartando o envolvimento em outros crimes.

Os envolvidos responderão pelos crimes de corrupção eleitoral, com pena prevista de até quatro anos de reclusão, e falsidade ideológica, com até cinco anos de prisão, ambos do Código Eleitoral.

O nome da Operação faz referência ao poema épico da Grécia Antiga, atribuído a Homero, o qual narra os fatos relativos à Guerra de Troia, que acabou findando com o uso do Cavalo de Troia, de forma a se demonstrar que o uso das eleições pelas facções pode culminar minando o processo democrático.

Assessoria PF

Continue lendo

Trending