Conecte-se conosco

Outras

Sobe para 32 mil o número de pessoas atingidas pela inundação do Rio Acre e de igarapés em Rio Branco

Subiu para 32 mil o número de moradores de Rio Branco

Publicado

em

Subiu para 32 mil o número de moradores de Rio Branco que estão afetados pela inundação do Rio Acre e igarapés após fortes chuvas que atingiram a capital nos últimos dias. A Defesa Civil Municipal informou que são 500 pessoas desabrigadas e quase 2 mil pessoas desalojadas, ou seja, foram levadas para casas de parentes.

Ao todo, 30 bairros foram atingidos pela alagação em Rio Branco. Sete igarapés transbordaram depois da forte chuva e, neste sábado, as águas começaram a recuar, mas cinco deles ainda estão inundados e atingem casas.

O nível do Rio Acre subiu mais de 7 metros em poucas horas e segue em alta. Na medição feita às 15h deste sábado, o manancial marcou 16,32 metros, acima da cota de transbordo, que é de 14 metros.

“O rio Acre transbordou em 24 horas. Ele saiu de 8,90 metros para 16 metros. Coisa que nunca foi vista em Rio Branco antes. Nós temos pelo menos 30 bairros atingidos pelas águas do rio. São pelo menos 32 mil pessoas atingidas nesse instante com muitos desabrigados e também muitos desalojados. E também temos o município de Brasiléia que está em transbordamento e isso significa dizer que o nosso cenário não vai melhorar agora. Nós estamos montando a sala de situação. ”, informou o coordenador da Defesa Civil de Rio Branco, Cláudio Falcão.

A Defesa Civil Municipal está com 24 abrigos em escolas na capital com famílias atingidas pela enchente.

Com a baixa das águas dos igarapés, a prefeitura informou que vai ser iniciada a limpeza nos bairros. Mas, como o nível do Rio Acre segue em alta, vai ser iniciada a montagem de abrigos na Parque de Exposições Wildy Viana.

“Está tendo uma retração, porém muito lenta. Mas, de qualquer maneira, a boa notícia é que já há essa retração e é por isso que o prefeito acabou de anunciar que a partir desse momento nós estamos em uma nova fase em igarapés, que é o restabelecimento de cenário, a começar dando atendimento às famílias com entrega de kit de higiene e de limpeza através da Secretaria Municipal de Saúde e também caminhões pipa para poder fazer a lavagem e o restabelecimento das casas”, afirmou.

Alerta de temporais
O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) voltou a emitir um novo alerta laranja de chuvas intensas para todo o Acre, com validade até às 11h deste domingo (26).

A previsão é de chuva entre 30 e 60 milímetros por hora ou 50 e 100 milímetros por dia, com ventos intensos que podem chegar de 60 a 100 quilômetros por hora.

As instruções dadas são:

Em caso de rajadas de vento: (não se abrigue debaixo de árvores, pois há leve risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda);
Evite usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada;
Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).
Energia elétrica
A Energisa informou que já foi possível restabelecer o fornecimento de energia para 57% dos clientes afetados pela cheia dos igarapés, em Rio Branco. Nessa sexta (24), a empresa afirmou que mais de 4,4 mil clientes estavam com a energia elétrica desligada por medida de segurança.

Os bairros Conquista, Procon, Bairro da Paz, Transacreana, Distrito Industrial e Seis de Agosto ainda estão com moradores com fornecimento de energia elétrica desligado.

“A empresa monitora 24h por dia, em parceria com a Defesa Civil e Corpo de Bombeiros, e avalia os pontos críticos em que é preciso realizar o desligamento da rede de energia para garantir a segurança da população. As tratativa para restabelecer o fornecimento de energia nos bairros afetados é feito em parceria com a Defesa Civil do município. As equipes da Distribuidora estão preparadas para atuar para restabelecer o fornecimento no menor tempo possível. Neste momento, a empresa está com um contingente de 5 vezes maior equipes que estão atuando nos atendimentos. A Energisa reforça a importância de não se aproximar dos cabos partidos em qualquer situação”, diz em nota.

Por Iryá Rodrigues, g1

Outras

Ministro Do Trabalho Espera Rever Saque-Aniversário Do FGTS Ainda Em 2023

Luiz Marinho, ministro do Trabalho e Emprego

Publicado

em

Luiz Marinho, ministro do Trabalho e Emprego, continua com o seu desejo de acabar com o saque-aniversário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). Desta forma, o ministro espera apresentar ao Congresso uma proposta de revisão do saque-aniversário do FGTS, de modo que a pauta possa ser aprovada ainda neste ano.

De acordo com o ministro, o FGTS precisa ser salvo, isso porque, segundo Marinho, o saque-aniversário está descaracterizando o Fundo e fazendo com que ele perca suas reais funções.

Em 2019, o ex-presidente Jair Bolsonaro criou a modalidade saque-aniversário, que permite ao trabalhador fazer o saque parcial do fundo no mês de aniversário do cotista. Já a modalidade tradicional possibilita o saque integral, mas apenas em casos específicos, como demissão sem justa causa, aposentadoria ou compra de um imóvel.

“Para salvar o fundo, precisamos rever o que foi feito no governo anterior. Espero mudar este ano, e tem o segundo semestre todinho”, disse ele a jornalistas, após evento na Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan).

No entanto, ele não mencionou quando o texto deverá ser enviado ao Congresso Nacional. Todo mundo sabe que a principal preocupação do governo Lula atualmente é o arcabouço fiscal.

Como funciona o saque-aniversário?
Existe um calendário que foi definido para que o trabalhador possa aderir ao saque-aniversário. Pela regra, é possível resgatar uma porcentagem do fundo mais uma parcela fixa. Neste mês, poderão fazer o saque os trabalhadores que nasceram em maio.

O quanto você pode receber dependerá do saldo que tem disponível na conta do FGTS. Se o saldo for de até R$ 500, você pode retirar 50% do valor total.

Confira a tabela

Limite das faixas de saldo (em R$) Alíquota Parcela Adicional (em R$)
Até 500,00 50,0% –

De 500,01 até 1.000,00 40,0% 50,00

De 1.000,01 até 5.000,00 30,0% 150,00

De 5.000,01 até 10.000,00 20,0% 650,00

De 10000,01 até 15.000,00 15,0% 1150,00

De 15.000,01 até 20.000,00 10,0% 1.900,00

Acima de 20.000,01 5,0% 2.900,00

Calendário do Saque-Aniversário 2023
As datas para retirada do saque-aniversário

Nascidos em janeiro: de 02 de janeiro a 31 de março de 2023

Nascidos em fevereiro: de 1º de fevereiro a 28 de abril de 2023

Nascidos em março: de 1º de março a 31 de maio de 2023;

Nascidos em abril: de 03 de abril a 30 de junho de 2023

Nascidos em maio: 1º de maio a 31 de julho de 2023

Nascidos em junho: de 1º de junho a 31 de agosto de 2023

Nascidos em julho: de 03 de julho a 29 de setembro de 2023

Nascidos em agosto: de 1º de agosto a 31 de outubro de 2023

Nascidos em setembro: de 1º setembro a 30 de novembro de 2023

Nascidos em outubro: de 02 de outubro a 29 de dezembro de 2023

Nascidos em novembro: de 1º de novembro de 2023 a 31 de janeiro de 2024

Nascidos em dezembro: de 1º de dezembro de 2023 a 29 de fevereiro de 2024

Jorge Roberto Wrigt-Contábil

Continue lendo

Outras

INSS dá dicas a segurados sobre como proteger dados pessoais e evitar cair em armadilhas de golpistas

Ligações fraudulentas, oferta de empréstimos fictícios

Publicado

em

Ligações fraudulentas, oferta de empréstimos fictícios e até supostas revisões de benefícios: as tentativas de golpes contra trabalhadores segurados e aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) são as mais variadas possíveis. Fazendo vítimas, principalmente entre os beneficiários mais humildes, os criminosos se aprimoram a cada nova empreitada, o que exige um olhar atento para que o segurado não caia em nenhuma armadilha.

Para ajudar o cidadão a manter seus dados em segurança, o INSS listou as principais iscas jogadas por fraudadores para roubar dados dos segurados. Confira abaixo:

Fique de olho e não caia em armadilha

O INSS não liga ou envia e-mail para os segurados para pedir documentos, fotos, ou informações pessoais. Cuidado, pode ser golpe!
Recebeu mensagem por aplicativo de alguém se dizendo servidor do INSS? Bloqueie. O instituto não faz esse tipo de contato.
O INSS somente entra em contato com os segurados nos casos de: remarcação de atendimento, concessão/negativa de benefício, comparecimento à agência da Previdência Social, e para cumprimento de exigência. Mesmo assim, o servidor informa os dados, não pede ao segurado.
Na saída do banco, tenha cuidado com abordagem de terceiros com oferta de crédito fácil. Pode ser golpe.
Todo serviço do INSS pode ser feito pelo site ou aplicativo Meu INSS, que utiliza a plataforma Gov.br. Caso apareça outro “atalho” pela internet, desconfie.
Não forneça nome completo, CPF, cópia de documentos, comprovante de renda ou de endereço para desconhecidos. Seus dados são valiosos e em mãos erradas pode causar dor de cabeça.
O INSS não utiliza intermediários para concessão de benefícios ou pede depósito adiantado para liberação de recursos financeiros.
Ações implementadas para proteger informações
Além de estar atento a comportamentos que podem ser sinais de fraudes ou tentativas de golpe, uma das ferramentas para se prevenir é entender como funciona a proteção às informações pessoais do cidadão, garantida pela Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Isso porque o uso de dados por criminosos, como o acesso a contas correntes, cartões de crédito e invasão de redes sociais, são alguns dos riscos de não haver proteção adequada das informações pessoais.

Em vigor desde 2020, a LGPD visa a garantir a segurança dos dados, estabelecendo regras que devem ser seguidas pelas entidades que lidam, coletam e armazenam essas informações, como empresas e até o poder público, independente do tamanho.

Entre as regras estabelecidas pela norma está a que garante ao titular dos dados o direito de saber que informações são coletadas e como são usadas. Além disso, a lei também determina a exclusão de informações de banco de dados a pedido do titular. Só podem ser coletados pelas empresas dados fundamentais para a realização da sua atividade e há necessidade de consentimento para a inclusão de informações adicionais.

Segundo o INSS, uma série de medidas internas tem sido implementada no órgão para assegurar a proteção das informações dos segurados. Uma delas é a realização de cursos institucionais sobre a LGPD, pela Escola da Previdência, para preparar servidores sobre o assunto.

Além disso, um Comitê Estratégico de Privacidade e Proteção de Dados Pessoais acompanha o tema, inclusive para avaliar a qualidade dos processos de proteção de dados realizados internamente e pela Dataprev, empresa federal de processamento de dados.

O instituto criou um canal de comunicação para que os titulares dos dados possam tirar dúvidas sobre as informações coletadas pelo órgão, por meio dos e-mails [email protected] e [email protected].

Por Extra

Continue lendo

Outras

Sertanejo Bruno faz acordo com influencer e pagará indenização por piada sexista

O cantor Bruno, que faz dupla com Marrone

Publicado

em

O cantor Bruno, que faz dupla com Marrone, fechou um acordo de indenização por danos morais a uma influencer por ter publicado, em sua conta no Instagram, uma imagem dela ao lado de uma amiga com uma legenda sexista. A defesa do sertanejo aceitou pagar R$ 10 mil à influenciadora digital Thaliane Pereira para encerrar a ação.

Uma audiência de conciliação entre os envolvidos foi realizada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo no dia 4 de abril, mas o cantor já havia cumprindo o acordo e postado sua retratação nas redes sociais no dia 13 de fevereiro — embora ele já tenha apagado a retratação de seu perfil.

Responsável pela defesa de Thaliane, a advogada Gabriella Pontes Garcia afirmou que a prioridade da ação era a de demonstrar as consequências de ações como a de expor outras pessoas ao ridículo, colocando-os em situações constrangedoras.

— Eu acredito que a lição que fica desse processo é que a internet não é ‘terra de ninguém’. As consequências das atitudes que a gente toma na internet vêm para a vida real, afeta as pessoas envolvidas nessas situações constrangedoras. Então, que a gente tenha mais cautela, mais cuidado, sendo pessoa pública ou não, com a imagem alheia, principalmente com a imagem de mulheres, que elas não sejam objetificadas, que elas não tenham suas imagens usadas sem consentimento — destacou Gabriella.

Na imagem, compartilhada no ano passado, Thaliane aparece em um barco segurando um peixe ao lado da amiga Luana Targino, acompanhada das palavras “Tilaska, Tilápia e Tikebra”. A publicação foi apagada pelo sertanejo pouco tempo depois.

— Que isso não se repita outras vezes, que outras mulheres não precisem passar por esse tipo de situação e que não precisem recorrer ao Judiciário para ser reestabelecida a sua moral — afirmou Gabriella.

Continue lendo

Trending