Conecte-se conosco

Policial

Projeto Cidadão promove justiça e cidadania em Epitaciolândia

A comunidade teve acesso

Publicado

em

O Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), por meio do Projeto Cidadão, principal projeto social do Poder Judiciário, realizou mais uma edição nesta sexta-feira, 16, na Escola Municipal Bela Flor, situada na BR 317, Km 01, s/n, Aeroporto, no município de Epitaciolândia.

Das 8h às 16h, a comunidade teve acesso gratuito a serviços como emissão de documentos, atendimentos jurídicos, atendimentos previdenciários, de saúde como consultas médicas, atendimento odontológico, eletrocardiograma, pré-natal, PCCU, vacinação e testes rápidos, bem como informações sobre Cadastro Unico (Cad-Único), Auxílio Brasil e CREAS.

 


Há aproximadamente 15 anos, Antonia Francisca Santiago casou em uma das edições do Casamento Coletivo do Projeto Cidadão, mas dessa vez ela foi em busca do recadastramento do Auxílio Brasil. Moradora na zona rural, na BR 317 km 32, Ramal Porto Rico, km 15, ela é feirante e vende a produção de sua propriedade rural uma vez por semana na cidade. Ela soube desta edição do Projeto através de um aplicativo de mensagens e falou sobre a relevância da ação social. “Bom demais”, assim ela definiu, mas continuou, “é muito importante porque ajuda as pessoas de baixa renda.”

Antonia FRrncisca

Eliana Barroso
Eliana Barroso da Silva é doméstica e mora em Cobija, Departamento de Pando, no país vizinho Bolívia. Ela tem quatro filhos, sendo dois brasileiros e dois bolivianos, e soube do Projeto através de uma amiga que mora no lado brasileiro. Ela conta ainda que há três anos foi roubada na Bolívia, levaram a bolsa e desde então estava sem os documentos. Ela considera ainda ser um achado poder tirar os documentos num local só de forma gratuita. “Estou achando legal e sorte a minha. Essa oportunidade ajuda muito, principalmente as pessoas que não tem dinheiro, e a taxa é um gasto que faz muita falta”, finaliza.

 

 

Casamento coletivo

Um dos momentos mais emocionantes, o tradicional casamento coletivo oficializou a união de 35 casais, em cerimônia muito prestigiada por parentes e amigos das noivas e noivos. Além do dispositivo de honra, que foi composto pelo juiz de Direito e celebrante da cerimônia de casamento civil Alex Oivane, o prefeito de Epitaciolândia Sérgio Lopes, o coordenador do MP na Comunidade, promotor Dayan Albuquerque, representando o Ministério Público do Estado, promotor de Justiça Juleandro Martins, pela Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Acre (OAB-AC), advogado Gabriel Rossi, representando a Defensoria Pública do Estado, a defensora Pública Ariela Andrade e a delegatária do Cartório de Epitaciolândia Valéria Aquino.

 

O juiz celebrante, Alex Oivane falou que por mais que o casamento coletivo seja realizado tantas vezes, mas cada uma é singular, além ser um ato de cidadanização que o Poder Judiciário oferece a população. “Tem muitos casais aqui que moram juntos há bastante tempo e estão esperando a oportunidade pra formalizar a união deles. É uma emoção diferente cada vez que a gente vem a um casamento coletivo porque notamos que as pessoas anseiam muito por isso, por essa oportunidade de se casar”, finalizou o magistrado.

Seguindo o formato habitual dos casamentos coletivos realizados pelo Projeto, o casal mais experiente e o casal mais jovem ganham local de destaque. Nesta edição, o casal mais experiente foi o senhor Francisco dos Santos Neves, 52 anos, e a senhora Maria das Graças Rodrigues Dias, 72 anos. Simbolizando a juventude, o casal mais jovem, Daniel Barroso da Silva, 21 anos e Ana Cristina Azevedo Fernandes, 16 anos.

 

 

 

União de forças

Os 1.623 atendimentos realizados pelo Projeto Cidadão em Epitaciolândia, só foi possível graças às cooperações institucionais, seja a nível municipal, estadual ou federal. O Tribunal de Justiça agradece a cada parceiro que esteve presente nesta edição como o Governo do Estado do Acre, através de sua Secretaria de Polícia Civil – Instituto de Identificação e Policia Militar, a Prefeitura Municipal de Epitaciolândia, por meio de suas Secretarias de Educação, de Saúde, de Assistência Social, do Ministério Público do Estado, da Defensoria Pública do Estado, ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) e ao Cartório de Epitaciolândia, bem como a todos os servidores da Escola Municipal Bela Flor.

TJAC

Policial

Conversão proibida causa morte de motociclista que foi arremessado para fora da pista

Foi registrado na manhã deste sábado

Publicado

em

Foi registrado na manhã deste sábado, 4, na altura do km 28 da Rodovia AC 10, Estrada de Porto Acre, um acidente que vitimou um motociclista identificado como Manoel Trajano Neto.

De acordo com a polícia, o acidente foi provocado por um motorista que conduzia um veículo modelo Uno Mille que teria feito uma conversão de retorno em local proibido forçando o condutor da moto, modelo Bross, a avançar para a contramão, afim de desviar do carro, porém o motociclista colidiu frontalmente contra uma caminhonete que também invadiu a pista contrária.

Com a violência do impacto, a vítima foi arremessada para fora da pista sofrendo múltiplas fraturas pelo corpo e morrendo no local.

Uma equipe do SAMU foi acionada, mas só pode constatar o óbito. Os condutores dos veículos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Porto Acre, que ficará responsável pelas investigações do acidente.

Por: Notícias da Hora

Continue lendo

Policial

No presídio de Sena Madureira, celular é apreendido dentro do frasco de medicamento

Policiais penais do presídio do Município

Publicado

em

Policiais penais do presídio do Município de Sena Madureira, encontraram um aparelho celular dentro de um frasco de medicamento que seria entregue a um reeducando que cumpre pena naquela unidade, a apreensão aconteceu neste final de semana.

De acordo com os policiais, o “medicamento” foi deixado na portaria, e o ‘mini’ aparelho celular foi descoberto ao passar pelo raio-x.

O medicamento foi deixando na portaria, os agentes policiais já estão investigando para saber quem seria o beneficiado com o aparelho.

Por AcreOnline

Continue lendo

Policial

Mais um homicídio no Bairro Ana Vieira em Sena Madureira

Mais um jovem foi morto a tiros

Publicado

em

Mais um jovem foi morto a tiros no Bairro Ana Vieira, no Município de Sena Madureira, de acordo com as informações colhidas pela nossa reportagem, o rapaz estava na rua Jorge Escócio, bairro Ana Vieira, quando dois homens em uma motocicleta chegaram e efetuaram vários disparos na vítima, que ficou caída no local até achegada do SAMU, que prestou os primeiros socorros mas a vítima foi a óbito antes mesmo de chegar ao pronto socorro da cidade.

A pôs cometerem o crime os acusados se evadiram do local, a Polícia militar e Civil estão tentando prender os mesmos.

De acordo com um policial que estava no local, disse a imprensa que o crime aparenta ser a certo de contas entre facções.

Por AcreOnline

Continue lendo

Trending