Conecte-se conosco

Policial

Temendo invasão a pavilhão do PCC por facção rival, Justiça determina a transferência de presos

Atendendo a uma solicitação do promotor

Publicado

em

Atendendo a uma solicitação do promotor da Promotoria de Execuções Penais, do Ministério Público do Acre, Tales Tranin, o juiz da Vara de Execuções Penais, Hugo Torquato. O Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) tem 72 horas para fazer a transferência dos quase 200 detentos.

“Há meses o Ministério Público vinha recebendo essas notícias de uma invasão do Bonde dos 13 nesse pavilhão “H” onde estão os membros do PCC. De posse dessas informações e visando resguardar a integridade física dos reeducandos, a integridade física dos policiais penais e a ordem, o Ministério Público fez um pedido para o Juízo para a retirada de todos do pavilhão “H” e a transferência para o pavilhão “Q”. Esse pavilhão é um pavilhão de triagem em que todos que são presos ficam ali 14 dias”, disse Tales Tranin.

Cartas interceptadas pelos policiais penais indicavam a ordem para a invasão do pavilhão. Nos manuscritos interceptados, havia todo o modus operandi que se daria a invasão ao prédio.

Ontem (24), o governo do Estado divulgou uma nota dizendo que não houve transferências, mas que havia uma petição feita à Vara de Execuções Penais que tramitava em segredo de Justiça. A nota é assinada pelo presidente do Iapen/AC Glauber Feitoza e pelo secretário de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar Rocha dos Santos.

“Não houve transferência de presos e o ambiente carcerário, no âmbito do Estado do Acre, permanece em plena ordem”, diz trecho do document

Fonte-Da redação do Notícias da Hora

Policial

Homem é preso por descumprimento de medida protetiva

Na tarde desta quinta-feira, 23, a Polícia Civil

Publicado

em

Na tarde desta quinta-feira, 23, a Polícia Civil por meio da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) prendeu F.F.A, de 41 anos de idade, em cumprimento ao mandado de prisão pelo delito de descumprimento de medidas protetivas de urgência, com base na Lei Maria da Penha.

O investigado, após receber a intimação das medidas protetivas em seu desfavor, não respeitou tal decisão judicial e, reiteradas vezes, descumpriu o limite mínimo de distância entre a vítima, e continuou indo à residência e ao comércio de sua ex-companheira, ameaçando-a, e a ofendendo moral e fisicamente.

Após a autoridade policial da DEAM tomar conhecimento sobre tais delitos, foi representado pela prisão preventiva em desfavor do agressor, e a ordem judicial foi expedida pela Vara de Proteção à Mulher da Comarca de Rio Branco/AC.
O mandado de prisão foi cumprido no bairro Conjunto Universitário III.
O preso foi conduzido à Delegacia de Flagrantes (DEFLA), onde ficará à disposição da justiça.

Ascom

Continue lendo

Policial

Duas pessoas são presas pelo crime de estupro

Nesta quinta-feira, 23, a Polícia Civil

Publicado

em

Nesta quinta-feira, 23, a Polícia Civil por meio da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher e de Proteção à Criança e ao Adolescente (DEMPCA), em Cruzeiro do Sul, prendeu A. C. D. S., de 23 anos, por descumprir medida de afastamento da vitima, após ser condenado em primeira instância pelo crime de estupro de vulnerável.

Ainda na manhã desta quinta-feira, 23, foi dado cumprimento a mais um mandado de prisão preventiva em desfavor de C. S. D. M., de 50 anos, em virtude de sentença condenatória pelo crime de estupro de vulnerável, a ser cumprida inicialmente em regime fechado.

Os presos foram conduzidos à sede da DEMPCA e em seguida à Unidade Prisional Manoel Neri onde permanecerão à disposição da Justiça.

Ascom/Policia Civil do Acre

Continue lendo

Policial

Farta quantidade de drogas é apreendida em presídio de Sena Madureira

Uma revista minuciosa promovida

Publicado

em

Uma revista minuciosa promovida por policiais penais lotados no presídio Evaristo de Moraes, em Sena Madureira, resultou em apreensão de uma farta quantidade de drogas (maconha e cocaína).

Na quarta-feira (22), dia dedicado às visitas, o material ilícito foi encontrado nas dependências do banheiro dedicado aos visitantes. “Parte do ilícito estava no vaso sanitário e o restante no encanamento do banheiro”, confirmou Francisco de Assis, diretor do presídio.

 

Ao todo, foram apreendidos: 50 macarrões de maconha, 16 tabletes, 03 barras e 03 trouxinhas que pesaram 313 gramas. Além disso, os policiais encontraram 49 gramas de cocaína e 01 trouxa com 23 gramas da mesma substância.

De acordo com a direção do presídio, a fiscalização continuará sendo intensificada com a meta de repelir o tráfico de drogas no referido local.

Contilnet

Continue lendo

Trending