Conecte-se conosco

Outras

Sisu e Prouni abrem inscrições em fevereiro; Fies, em março

O Ministério da Educação (MEC)

Publicado

em

O Ministério da Educação (MEC) divulgou hoje (18) o calendário de inscrições para os processos seletivos de ingresso ao ensino superior. Os estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) já podem se organizar para concorrer às vagas. A previsão é que os editais dos três processos seletivos sejam publicados no Diário Oficial da União ainda nesta semana.

As inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) poderão ser feitas do dia 15 ao dia 18 de fevereiro. Já o prazo de inscrição para o Programa Universidade para Todos (Prouni) será de 22 a 25 de fevereiro. E, no início de março, do dia 8 ao dia 11, poderão se inscrever os candidatos ao Fundo de Financiamento Estudantil (FIES), que este ano oferta 110.925 vagas.
O número de vagas disponíveis no Sisu e no Prouni será divulgado em breve, assim como os três editais contendo os cronogramas completos e todos os critérios dos processos seletivos de 2022.

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas, exclusivamente, pela internet. A classificação é feita com base na nota obtida na edição mais recente do Enem. Pode concorrer às vagas do Fies quem fez qualquer uma das edições do Enem a partir de 2010.

Programas

O Prouni oferece bolsas de estudo, integrais e parciais (50%), em instituições particulares de educação superior. Para concorrer às bolsas integrais, o estudante deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até 1,5 salário mínimo. Para as bolsas parciais (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser até 3 salários mínimos por pessoa.

Podem se inscrever no Prouni apenas estudantes brasileiros sem diploma de curso superior que tenham participado do Enem mais recente e obtido, no mínimo, 450 pontos de média das notas. Além disso, o candidato não pode ter tirado zero na redação.

O Fies tem objetivo de conceder financiamento a estudantes em cursos superiores não gratuitos, com avaliação positiva nos processos conduzidos pelo MEC. O programa é dividido em diferentes modalidades, possibilitando juros zero a quem mais precisa e uma escala de financiamentos que varia conforme a renda familiar do candidato.

Já o Sisu é o sistema informatizado do MEC, no qual instituições públicas de ensino superior oferecem vagas para estudantes participantes do Enem. Os candidatos com melhor classificação são selecionados.

Nádia Franco

Outras

Planos de saúde individuais têm aumento histórico

A Agência Nacional de Saúde

Publicado

em

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) aprovou hoje (8) o índice máximo de reajuste anual para os planos de saúde individuais e familiares. O aumento poderá ser de até 15,5%. A decisão foi tomada pela diretoria por quatro votos a um.

Trata-se do maior reajuste anual já aprovado pela agência, criada em 2000. As operadoras dos planos de saúde poderão aplicar o índice em mensalidades cobradas entre maio de 2022 a abril de 2023. Mas a atualização dos valores só pode ser realizada a partir da data de aniversário de cada contrato. Caso o mês de aniversário do contrato seja maio, é possível a cobrança retroativa do reajuste.

A decisão não se aplica aos planos coletivos, sejam empresariais ou por adesão. Ela incide apenas nas mensalidades dos contratos individuais e familiares firmados a partir de janeiro de 1999. São aproximadamente 8 milhões de beneficiários, o que corresponde a 16,3% do mercado de saúde suplementar.

O aumento histórico ocorre um ano após a ANS ter aprovado pela primeira vez um reajuste negativo. Em 2021, as operadoras foram obrigadas a reduzir as mensalidades em pelo menos 8,19%, porque ficou constatada uma queda generalizada na demanda por serviços de saúde em meio ao isolamento social decorrente da pandemia da covid-19. No período, os planos registraram uma redução de custos.

“Já em 2021, tivemos uma gradativa retomada da utilização desses serviços. É também um ano influenciado por uma forte inflação em todo o país”, disse a gerente Econômico-financeira e Atuarial de Produtos da ANS, Daniele Rodrigues, ao apresentar os detalhes do cálculo do índice.

Em nota divulgada em seu portal eletrônico, a ANS sustenta que tanto o reajuste negativo de 2021 como o reajuste histórico deste ano possuem relação com os efeitos da pandemia da covid-19. “Não se pode analisar o percentual calculado para 2022 sem considerar o contexto e os movimentos atípicos no setor de planos de saúde nos últimos dois anos”, diz o texto.

A proposta de reajuste foi submetida ao Ministério da Economia no início do mês. A pasta emitiu nota técnica aprovando a aplicação da metodologia na segunda-feira (23). Segundo a ANS, a atual fórmula para cálculo do reajuste anual foi adotada em 2018. O cálculo é influenciado principalmente pela variação das despesas assistenciais do ano anterior. Também leva em conta o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação do país.

A variação das despesas assistenciais de 2021 foi de 20,35%. É o maior percentual da série histórica apresentada na reunião, com dados desde 2014. Em 2020, essa variação havia sido negativa em 9,2%. Os cálculos são realizados pela Diretoria de Normas e Habilitação de Produtos da ANS.

Diferentes diretores avaliaram que a fórmula pré-definida garante transparência e previsibilidade para o reajuste. “É uma metodologia que reflete de forma muito clara a variação da despesa assistencial”, argumentou o diretor de Desenvolvimento Setorial, Maurício Nunes.

Para o diretor-presidente da ANS, Paulo Rebello, a aplicação da metodologia protege o interesse público. “A agência regula e procura manter o setor em funcionamento”, disse.

Único voto divergente, a diretora de Fiscalização, Eliane Medeiros, elogiou os esforços da equipe em aplicar a metodologia em vigor, mas se posicionou contra o índice proposto.

Edição: Fernando Fraga

Continue lendo

Outras

Morre a Mãe do diretor da Rádio Difusora Acreana, dona Cosma Fernandes

Faleceu na madrugada de ontem

Publicado

em

Faleceu na madrugada de ontem  (24) a mãe do jornalista e diretor da Rádio Difusora Acreana Raimundo Fernandes dona Cosma Fernandes, seu falecimento se deu em Rio Branco pós complicações  cirúrgicas .

 

O velório está sendo realizado na capital, na Travessa Guanabara, 211, ao lado da Clínica Ortho Life, localizada no bairro Estação Experimental, próximo ao antigo Supermercado Gonçalves.

Em nome do site Acreonline.net expressamos nossa solidariedade aos familiares.

Continue lendo

Outras

Concurso ISE Acre: Governo divulga resultado final do exame psicotécnico

A Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (SEPLAG) e o Instituto Socioeducativo do Estado do Acre (ISE/AC) publicaram no Diário Oficial desta terça-feira (24), as respostas aos recursos e o resultado final do Exame Psicotécnico do último concurso público para provimento de cargos efetivos de nível médio e superior do Instituto Socioeducativo do Acre.

O resultado está disponível a partir da página 29 no Diário Oficial na seguinte ordem: cargo, número de inscrição e nome do candidato em ordem alfabética.

Com edital publicado no dia 5 de outubro de 2021, as provas objetivas foram realizadas no dia 5 de dezembro. Um total de 32.199 candidatos realizaram as inscrições para participar da primeira etapa do certame, que disponibiliza 322 vagas, distribuídas em sete cargos de carreira. A segunda fase do concurso consistirá em realização de exames psicotécnico, médico e toxicológico, investigação criminal e social, além da prova de aptidão física, exclusiva para o cargo de agente socioeducativo.

A remuneração inicial dos aprovados será de R$ 2.326,95 para o cargo de técnico administrativo operacional, R$ 2.978,55 para agente socioeducativo e R$ 3.908,22 para os cargos de assistente social e psicólogo.

Os candidatos poderão obter informações gerais referentes ao concurso público através do site www.ibade.org.br ou por meio dos telefones: 0800 668 2175, (21) 3674-9190 – Rio de Janeiro, ou pelo e-mail [email protected]

POR NANY DAMASCENO, DO CONTILNET

Continue lendo

Trending