Conecte-se conosco

Policial

MPAC doa kits com materiais sobre políticas públicas à CG

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), por meio do Centro de Apoio Operacional de Defesa

Publicado

em

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), por meio do Centro de Apoio Operacional de Defesa do Meio Ambiente, Patrimônio Histórico e Cultural e Habitação e Urbanismo (Caop-Maphu), realizou na manhã desta segunda-feira, 28, a doação de kits com materiais sobre políticas públicas à Controladoria-Geral da União do Acre (CGU/AC).

O material foi doado com o intuito de contribuir com o programa “Monitoramento e Avaliação Cidadã de Serviços Públicos”, que objetiva coletar dados e produzir informações acerca da satisfação de usuários de serviços públicos prestados no Estado. Ao todo, foram entregues 30 kits contendo livros, cartilhas, blocos de anotações e folders.

A entrega foi conduzida pela assessora jurídica Brenda de Souza Araújo. Na ocasião, ela realizou os devidos cumprimentos em nome da coordenadora do Caop-Maphu, procuradora de Justiça Rita de Cássia Nogueira Lima, que esteve à frente da seleção dos materiais doados. Também esteve presente na ação, a assessora ministerial, Luciana Virginía.

Além das peças cedidas pelo Caop-Maphu, foram doados também exemplares atualizados de Vade Mecum Jurídico obtidos através de uma articulação entre o coordenador do Núcleo de Apoio e Atendimento Psicossocial do MPAC (NATERA), Fábio Fabrício, com a Senadora Maísa Gomes. Os exemplares foram entregues pelo assessor Emerson Costa, que representou a senadora.

O Técnico de Finanças e Controle da CGU, Nilberto Mendes, responsável por receber os kits, destacou a importância das peças para o desenvolvimento do programa ao qual elas serão destinadas. “Na CGU são desenvolvidos vários projetos de ouvidorias, e esse que está sendo desenvolvido agora é de ouvidorias populares. Formamos várias comissões, cada uma com um tema específico. O MP está dando um grande apoio fornecendo esses materiais que instruem o trabalho em campo, já que com o material será possível mostrar o que está sendo trabalhado baseado na lei” disse.

O programa “Monitoramento e Avaliação Cidadã de Serviços Públicos” foi instituído pela Portaria nº 1.864, de 24/10/2016. Atualmente, é a principal ferramenta para analisar a percepção dos usuários sobre o desempenho de serviços e políticas públicas. As doações desta segunda-feira serão destinadas à regional Seis de Agosto.

Policial

Mais um veiculo furtado e recuperado pela PRF do Acre

A polícia Federal Rodoviária  recuperou mais  um veículo

Publicado

em

A polícia Federal Rodoviária  recuperou mais  um veículo furtado que circulava em nossas rodovias com placa adulterada.
O veículo foi furtado em Rio Branco no mês de Novembro e já rodava com placa igual a de outro veículo de mesma cor e modelo (clone).

Nossa equipe chegou até o veículo após informações passadas pela Delegacia de Combate a Roubos e extorsões (DECORE) da Polícia Civil do Acre.

Além de ser enquadrado como receptador de veículo furtado, o condutor do veículo ainda foi encaminhado à Delegacia de Flagrantes de Rio Branco (DEFLA) por adulteração de sinais identificadores do veículo (no caso a placa) e por falsificação de documentos públicos.

Os policiais da PRF informaram ao verdadeiro dono do veículo que o seu bem havia sido recuperado.

Ascom

Continue lendo

Policial

Polícia Civil recupera objetos furtados de comércio

A Polícia Civil na cidade de Feijó vem investigando

Publicado

em

A Polícia Civil na cidade de Feijó vem investigando os autores de um furto realizado na madrugada do último domingo (28/11) na loja Eletrolane, localizada no centro da cidade.

Após investigação da polícia civil todos os agentes foram identificados e responderão na justiça pelo crime cometido
Por conta das diligências foi possível recuperar duas caixas de som e um violão, diminuindo o prejuízo da vítima em R$ 3.450,00 (três mil quatrocentos e cinquenta reais).

A investigação continua e a busca pelos objetos furtados também.

Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende homem por descumprimento de medida protetiva em Rio Branco

 A Polícia Civil prendeu F.O.S.D, de 38 anos de idade

Publicado

em

A Polícia Civil prendeu F.O.S.D, de 38 anos de idade, em cumprimento ao mandado de prisão pelo delito de descumprimento de medidas protetivas de urgência, com base na Lei Maria da Penha.

O investigado, após receber a intimação das medidas protetivas em seu desfavor, não respeitou tal decisão judicial e, reiteradas vezes, descumpriu o limite mínimo de distância entre a vítima, e continuou indo à residência de sua ex-companheira, ameaçando-a.

Após a autoridade policial da DEAM tomar conhecimento sobre tais delitos, foi representado pela prisão preventiva em desfavor do agressor, e a ordem judicial foi expedida pela Vara de Proteção à Mulher da Comarca de Rio Branco/AC.

O mandado de prisão foi cumprido no bairro Floresta Sul. O preso foi conduzido à DEFLA, onde ficará à disposição da justiça.

Continue lendo

Trending