Conecte-se conosco

Policial

Monitorado é executado com 3 tiros na cabeça e morador fica ferido com um tiro

O presidiário monitorado Rachide Albuquerque da Silva, de 27 anos, foi morto e um outro homem identificado

Publicado

em

O presidiário monitorado Rachide Albuquerque da Silva, de 27 anos, foi morto e um outro homem identificado como Washington Santos da Silva, de 22 anos, foi atingido com um tiro em via pública na tarde desta quinta-feira, 10. O crime aconteceu na travessa 12 de Junho, no bairro Santa Inês, no Segundo Distrito de Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, Rachide é morador do bairro Vila Acre e tinha ido visitar uma amiga em um apartamento na região, na saída, enquanto aguardava um mototáxi, um membro da facção Bonde dos 13, se aproximou em uma bicicleta e efetuou vários tiros na direção do monitorado. Rachide foi atingido com três tiros na cabeça. Já Washington, que é um morador em um dos apartamentos, foi ferido com um tiro no abdômen.

A ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada, mas o monitorado por tornozeleira já se encontrava morto. Populares colocaram Washington dentro de um carro e o encaminharam a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Segundo Distrito. Uma ambulância do SAMU encaminhou a vítima ao Pronto-Socorro de Rio Branco em estado de saúde grave

Policiais Militares do 2° Batalhão fizeram patrulhamento na região em busca de prender o autor do crime, mas ele não foi encontrado.

O corpo foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos. O segue sob investigação dos Agentes de Polícia Civil da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A polícia acredita que o crime foi motivado pela guerra entre facções.

Por Davi Sahid

Continue lendo

Policial

Policia Civil prende trio acusado de estupro de vulnerável

A Polícia Civil, com apoio da Polícia Militar

Publicado

em

A Polícia Civil, com apoio da Polícia Militar, deu cumprimento a três mandados de prisão e busca e apreensão nos dias 18 e 19 de Janeiro 2022 e logrou êxito na prisão de L. F. do N. L. de 18 anos; F. A. M. de 22 anos e F. da C. do C. da S. F. de 20 anos. O trio é acusado acusado de estupro de vulnerável ocorrido no início de dezembro de 2021.

A vitima, uma adolescente de 13 anos, foi violentada no município de Jordão, interior do Acre. A vítima e a mãe da vítima foram ouvidas no início de janeiro do corrente ano, tendo já a autoridade policial Valdinei Soares Costa representado pela prisão dos envolvidos, e também pela busca e apreensão dos aparelhos celulares dos acusados, vez que, a vítima relatou que os autores, além de abusarem sexualmente da mesma, ainda gravaram toda a cena de abuso sexual.

O Ministério Público opinou pela expedição dos mandados de prisão e busca e apreensão, bem como, o Poder Judiciário atento aos anseios da sociedade de Jordão/AC prontamente deferiu os mandados, os quais foram devidamente cumpridos.

Vale ressaltar a agilidade na expedição dos mandados, e também a pronta resposta que foi dado no cumprimento dos mandados, pois, este tipo de crime não pode ser tolerado pela sociedade, muito mais, numa cidade pequena e distante como é Jordão/AC.

Os três presos agora serão recambiados para Tarauacá, onde irão ser interrogados sobre os fatos e posteriormente irão para o presidio Moacir Prado. Vale ressaltar que um dos acusados, após o crime foi pra zona rural de Jordão onde a equipe de policiais tiveram que navegar de barco por mais cinco horas para chegar ao local, onde o suspeito estava escondido, tendo êxito na prisão do mesmo.

Ascom

Continue lendo

Policial

Polícia Civil deflagra operação e cumpre oito mandados em Distrito de Vila Campinas no Acre

Na madrugada desta terça-feira

Publicado

em

Na madrugada desta terça-feira, 19, a Polícia Civil deflagrou operação de cumprimento de oito mandados de busca e apreensão no Distrito de Vila Campinas, distante 60 quilômetros da capital, em desfavor de supostos criminosos daquela localidade, apontados dentro das investigações realizadas pela equipe da Delegacia de Plácido de Castro como principais envolvidos em uma série de crimes contra o patrimônio, trafico de entorpecentes e integrar organização criminosa que age naquela região.

Durante a Operação, que teve cooperação do CORE – AC, foram apreendidos, aproximadamente, 6 (seis) aparelhos celulares que estavam em posse dos suspeitos e serão encaminhados à perícia criminal para análise já que, supostamente a maioria das ações criminosas eram feitas por meio de aplicativo de mensagens.
Além dos celulares, foram apreendidos pouco mais de 10 kg de carne proveniente de animais silvestres abatidos ilegalmente, dois pássaros (Curió) sem registro ou anilha de criador cadastrado, e uma quantia de pouco menos de R$ 5.000, 00 de procedência duvidosa, que não foi explicada.


Além do cumprimento dos mandados, os supostos envolvidos foram ouvidos informalmente e espontaneamente, sendo intimados a comparecer a delegacia de maneira formal para prestar declarações mais detalhadas acerca dos crimes dos quais são investigados.

O delegado titular Danilo César afirmou que as operações dessa madrugada são apenas o início de uma série de ações que pretendem identificar e apresentar às autoridades todos os agentes envolvidos com ORCRIM apontados pela investigação, crimes contra o patrimônio e tráfico de entorpecentes que tem agido na localidade e arredores.

A equipe da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (CORE) da Policia Civil vem prestando apoio as incursões e permanecem com suporte investigativo para que as ações sejam cada vez mais frequentes e exitosas.

Ascom

Continue lendo

Policial

Bombeiros de Sena Madureira realizam mergulhos em busca de vitima de afogamento

 Os mergulhadores do Corpo de Bombeiros do município de Sena Madureira

Publicado

em

Os mergulhadores do Corpo de Bombeiros do município de Sena Madureira, foram acionados para realizar buscas por um jovem que desapareceu nas águas do Rio Purus, nas proximidades do município de Manoel Urbano.


Segundo informações, o jovem estava visitando parentes no município, quando passando pela ponte sobre o Rio Purus resolveu tirar fotos, perdendo o equilíbrio, caiu e desapareceu nas águas.
.
Até o momento o corpo do jovem não foi encontrado, as condições atuais do rio dificultam o mergulho de varredura. Assim, a equipe de mergulhadores segue no local realizando as buscas.

Ascom

Continue lendo

Trending