Conecte-se conosco

Outras

Mulheres têm conquistas, mas caminho ainda é longo para igualdade

Ser mulher é enfrentar um desafio diferente todos os dias. É superar barreiras, muitas vezes, invisíveis. Apesar de serem a maioria da população brasileira

Publicado

em

Ser mulher é enfrentar um desafio diferente todos os dias. É superar barreiras, muitas vezes, invisíveis. Apesar de serem a maioria da população brasileira (51,8%, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE), elas ainda enfrentam cenários desiguais, seja na divisão das tarefas domésticas ou nos ganhos no mercado de trabalho. Muitas vezes, elas assumem tripla jornada. Saem para trabalhar, cuidam da casa, dos filhos. Em vários lares, elas são arrimo e sustentam sozinhas suas famílias. Segundo dados do Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea), em 2018, 45% dos domicílios brasileiros eram comandados por mulheres.

Mas, apesar de liderarem casas e assumirem as contas, as mulheres ainda têm de lidar com a discriminação. Estudo do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) mostra que 90% da população mundial ainda tem algum tipo de preconceito na questão da igualdade de gênero em áreas como política, economia, educação e violência doméstica.

Segundo o estudo, que analisou dados de 75 países, cerca de metade da população considera que os homens são melhores líderes políticos do que as mulheres, e mais de 40% acham que os homens são melhores diretores de empresas. Além disso, 28% dos consultados consideram justificado que um homem bata na sua esposa. Apesar da longa jornada enfrentada por elas ao longo da história, os números mostram que ainda há muito a caminhar.

Continue lendo

Outras

“Já está com Deus colhendo o que plantou”, diz Normando Sales sobre a mãe, dona Altiva, que morreu nesta segunda

O Acre perdeu nesta segunda-feira, 2, dona Altiva Rodrigues Costa

Publicado

em

O Acre perdeu nesta segunda-feira, 2, dona Altiva Rodrigues Costa, de 90 anos. Ela, que é matriarca da família Sales, de Sena Madureira, morreu no Hospital Santa Lúcia, em Brasília, de colapso do coração.

Dona Altiva nasceu em Sena, dia 6 de maio de 1921 e será enterrada lá.

O corpo de dona Altiva deverá ser transladado para o Acre nesta segunda à noite, será velada nesta terça em Rio Branco e na quarta será levado para seu município de origem, onde será sepultada.

Altiva Rodrigues é matriarca da família Sales. É mãe de Normando, Osman, Orlando, Nelson, Oton e Nabor, além de Sara e Silvia. “Já está no céu colhendo o que plantou”, disse o ex-deputado Normando Sales ao Acrenews, muito emocionado.

Por acrenews

Continue lendo

Outras

Mais uma sena gravada sobre a história da Rádio Difusora Acreana (VÍDEO)

Publicado

em

Conheça um pouco do trabalho que nossa equipe está fazendo em homenagem aos 77 anos da Rádio Difusora Acreana,(VÍDEO).

Continue lendo

Outras

Só uma morte por Covid-19 foi registrada neste sábado em Rio Branco

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), registra 13 casos de infecção por coronavírus neste sábado, 31, sendo 12 confirmados por exames RT-PCR e 1 por critério epidemiológico, fazendo com que o número de infectados salte para 87.141 nas últimas 24 horas.

Até o momento, o Acre registra 238.891 notificações de contaminação pela doença, sendo que 151.708 casos foram descartados e 42 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 83.218 pessoas já receberam alta médica da doença, enquanto 31 seguiam internadas até o fechamento deste boletim.

Os dados da vacinação contra a Covid-19 no Acre podem ser acessados no Painel de Monitoramento da Vacinação, disponível no endereço eletrônico: http://covid19.ac.gov.br/vacina/inicio. As informações são atualizadas na plataforma do Ministério da Saúde (MS), ficando sujeitas a alterações constantes, em razão das informações inseridas a partir de cada município.

Uma notificação de óbito foi registrada neste sábado, 31 de julho, fazendo com que o número oficial de mortes por Covid-19 suba para 1.799 em todo o estado.

Óbito:

Moradora de Epitaciolandia, J.M.F., de 88 anos, deu entrada no dia 20 de julho, no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), e faleceu no dia 29 de julho.

Continue lendo

Trending