Conecte-se conosco

Outras

17ª Semana Justiça pela Paz em Casa será de 8 a 12 de março

Está confirmada para os dias 8 a 12 de março, a realização da 17ª Semana Justiça pela Paz em Casa. Essa é a primeira edição da campanha em 2021

Publicado

em

Está confirmada para os dias 8 a 12 de março, a realização da 17ª Semana Justiça pela Paz em Casa. Essa é a primeira edição da campanha em 2021, criada pelo Conselho Nacional da Justiça. No Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) a atividade será mantida dentro das condições propícias de trabalho em que o órgão vem atuando devido as crises simultâneas pela qual passa o Estado do Acre em decorrência da COVID-19, surto de dengue, enchentes em dez municípios e crise migratória na fronteira com o Peru.

No período de campanha, magistrados e magistradas deverão priorizar o andamento dos processos judiciais de violência doméstica, em especial de sentenças, despachos e decisões e, quando possível, a realização virtual de audiências para atender os protocolos de segurança sanitária de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus.

Atividades

No primeiro dia, por ser feriado estadual em alusão ao Dia Internacional da Mulher, a atividade será aberta às 16h com a palestra “Patriarcado e Racismo: descontruindo a violência de gênero”, pela professora mestre Claudia Marques.

No restante da Semana os serviços serão focados na designação de audiências virtuais de justificação, instrução e julgamento de processos judiciais, em matéria de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher bem como de prolatação de despachos e sentenças, prioridade nos processos de réus presos, medidas de proteção.

No dia 11, às 16h, haverá reunião entre a Corregedoria-Geral da Justiça, a Coordenadoria Estadual das Mulheres em Situação de Violência Doméstica e Familiar e os representantes do Sistema de Justiça com os juízes de Direito. Na oportunidade, a juíza de Direito Carolina Bragança, da Vara de Proteção à Mulher da Comarca de Cruzeiro do Sul, apresentará tema sobre Violência de Gênero.

Para fortalecer a atividade, a presidente do TJAC, desembargadora Waldirene Cordeiro, designou quatro juízes de Direito para auxiliarem na campanha nas comarcas de Rio Branco e Cruzeiro do Sul.

O programa Justiça pela Paz em Casa, iniciado em março de 2015, tem o objetivo de ampliar a efetividade e celeridade jurisdicional, concentrando esforços três vezes ao ano – em março, agosto e novembro – para agilizar o andamento de processos relacionados à violência doméstica e familiar contra as mulheres.

“A campanha é um evento muito importante para a causa da violência doméstica e familiar. Para a atividade contamos com o apoio incondicional da Presidência do TJAC e da Corregedoria-Geral da Justiça”, disse a desembargadora Eva Evangelista, da Coordenadoria Estadual das Mulheres em Situação de Violência Doméstica e Familiar do TJAC.

Curriculum da palestrante Cláudia Marques de Oliveira
– Mulher preta quilombola afroindígena, graduada em Normal Superior/Pedagogia pelas Faculdades Pedro Leopoldo/MG;
– Aperfeiçoamento em Gestão de Políticas Públicas em Gênero e Raça – Universidade Federal de Minas Gerais;
– Mestre pelo Programa de Pós-graduação: Conhecimento e Inclusão Social em Educação pela Fae/UFMG como bolsista Ford e integrante do Programa Ações Afirmativas na UFMG;
– Professora da Educação Básica, atuante na formação continuada de professores e licenciaturas;
– Pesquisadora integrante do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas da Universidade Federal do Acre – Neabi/Ufac;
– Professora na Universidade Federal do Acre 2018-2020.
– Sócia da ABPN – Associação Brasileira de Pesquisadores Negros e Negras;
– Integrante da coordenação da Rede Mulher Ações no estado no Acre;
– Projeto “Escrevivências da Libertação” com mulheres encarceradas no Acre;
– Apoiadora da Sitoakore – Associação de Mulheres Indígenas do Acre, Sul do Amazonas e Noroeste de Rondônia e da Opiac – Organização dos Professores Indígenas do Acre;
– Integrante do Projeto: Povo Warao no estado do Acre;
– Mãe, divorciada reminiscente das agruras do machismo e falhas do judiciário no contexto da separação e da luta por estudar.

Postado em: Galeria, Notícias | Tags:CONSIV, Coordenadoria Estadual das Mulheres em Situação de Violência Doméstica e Familiar, Violência contra as Mulheres

Continue lendo

Outras

Crianças em tratamento no Hospital do Câncer ganham espetáculo do Circo Broadway

“Palmas, palmas, o circo chegou!”

Publicado

em

“Palmas, palmas, o circo chegou!”: foi nesse clima de alegria que as mais de 30 crianças que fazem tratamento contra o câncer na Unidade de Alta Complexidade em Oncologia do Acre (Unacon), ou Hospital de Câncer, assistiram, em Rio Branco, a um espetáculo gratuito que o Circo Broadway proporcionou a elas e a familiares, além da equipe de apoio, dos servidores e de seus filhos, no fim da tarde desta quarta-feira, 22.

Circo Broadway proporcionou um espetáculo gratuito a crianças com câncer Foto: Pedro Devani/Secom.
Sensível à realidade desses pequenos na luta contra uma doença tão agressiva, e também ao trabalho que a equipe multidisciplinar desempenha no tratamento dos pequenos pacientes, a direção do circo, num gesto de generosidade, procurou a coordenação do Hospital do Câncer, oferecendo a oportunidade de entretenimento.

Em parceria com o Gabinete da Primeira-Dama, Ana Paula Cameli, o hospital viabilizou o passeio, contando também com a ajuda do Corpo de Bombeiros Militar, que disponibilizou o ônibus para efetuar o transporte das crianças até a Arena da Floresta, onde foi realizado o espetáculo.


Brincadeiras, palhaços, globo da morte, malabares e diversas outras atrações distraíram a meninada. “Estou achando muito legal e divertido, é a minha primeira vez no circo”, disse Lorenzo Oliveira, de 5 anos, que está em tratamento há um mês.

“O evento vai fazer muito bem a ele, estamos aqui para alegrar a sua vida”, disse sua mãe, Paula Oliveira, com lágrimas nos olhos.

“Ações como essa mostram quão solidários somos. Meus agradecimentos ao Circo Broadway e ao governo do Estado, por promoverem um momento tão alegre para as crianças”, destacou Ana Paula Cameli.

O apresentador e diretor do circo, Robert Ramito, afirmou: “Para nós é satisfatório doar esse espetáculo, pois todos devemos contribuir. Estamos abertos a outras apresentações, pois as crianças precisam de alegria”.


O evento se deu exatamente durante o Setembro Dourado, mês escolhido para intensificar a conscientização sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer infanto-juvenil.

Unacon
A Unacon faz parte do complexo de serviços e atividades da Fundação Hospital Estadual do Acre (Fundhacre) desde 2007, atendendo também pacientes dos estados vizinhos, Rondônia, Amazonas e Roraima, e até mesmo da Bolívia e Peru. Oferece tratamento de quimioterapia adulta e infantil, cirurgias oncológicas e radioterapia. Possui 16 leitos de internação adultos e funciona todos os dias da semana, inclusive com emergência oncológica, 24 horas por dia.

Por Neide Santos e Emilly Souza

Continue lendo

Outras

Fortes ventos causam prejuízos em Tarauacá

Na última terça-feira, 21, o 7° Batalhão foi acionado para atender

Publicado

em

Na última terça-feira, 21, o 7° Batalhão foi acionado para atender uma ocorrência de queda de árvore, no bairro do Corcovado, em Tarauacá.
.
O forte temporal que atingiu o município acabou derrubando a árvore que caiu em cima de uma casa e derrubou um ponto de ônibus.
.
Na casa só houve pequenos estragos e ninguém ferido. No ponto de ônibus não havia ninguém abrigado na hora do incidente.
.
O Corpo de Bombeiros de Tarauacá faz um alerta para população para ter cuidado com os temporais que possam atingir a cidade. Qualquer emergência, ligar para o 193.

Continue lendo

Outras

Motoristas voltam a circular com 100% da frota de ônibus após acordo com empresa

A população de Rio Branco volta a ter 100% da frota de ônibus

Publicado

em

A população de Rio Branco volta a ter 100% da frota de ônibus circulando nesta quarta-feira, 22, após os motoristas da Auto Viação Floresta aceitarem o que foi acordado com a empresa. Antes disso, somente os funcionários de outra empresa estavam desempenhando as atividades na rua.

Com o retorno das atividades, os funcionários também passam a seguir a liminar do desembargador Shikou Sadahiro, do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região (TRT-RO), que determina a manutenção de pelo menos 90% da frota em circulação nos momentos de pico e de 70% em horários normais mesmo em situação de greve categoria.

Em caso de descumprimento, foi estabelecida multa diária de R$ 50 mil e mais uma multa de R$ 10 mil por ônibus parado, uma vez que a Lei de Greve classifica o transporte coletivo urbano de passageiros como atividade essencial que deve ser mantida por empregadores e trabalhadores durante as paralisações.

O Sindicato dos Trabalhadores em Transporte de Passageiros e de Cargas do Estado do Acre não reconheceu o movimento de greve e afirmou que o ato se tratava de uma ação isolada e com fins “políticos”.

As empresas de coletivo da capital asseguram que com o repasse de R$ 2,5 milhões por parte da prefeitura será possível quitar todas as dívidas com os trabalhadores e ainda reduzir o preço da tarifa de ônibus para R$ 3,50 ou menos. O município está empenhado em seguir com esse acordo a fim de garantir o pagamento aos trabalhadores e baixar o valor da passagem.

Por Thais Farias

Continue lendo

Trending